O novo artigo do Diário em Revista é destinado à Katy Perry, a cantora é tida como a verdadeira “evolução da música Pop”. A matéria foi escrita pelo colunista Grabriel Chauí.

Katy Perry começou num lugar realmente muito diferente. A filha de pastores passou seus primeiros anos cantando em igrejas. Aos 15 anos de idade Perry decidiu procurar uma gravadora para o seu primeiro álbum “Katy Hudson”, de gênero gospel. Mas não estamos aqui para falarmos de uma  biografia ou de uma grande artista, nosso ponto principal é caracterizar a evolução da música pop numa perspectiva voltada para a garota da California.

Katy Perry fez uma verdadeira viagem para o mundo Pop, realmente um lugar muito diferente, que não teria todo esse brilho se não houvesse sua presença.

Ela nos fez viajar em seu mundo com o grandioso “One Of  The Boys” e nos levou a uma dimensão incrivelmente boa da música. É vista que 2010 é um ano grandioso para Perry. Portanto, antes das coisas ficaram agitadas, achamos que seria um ótimo momento de fazer uma análise da evolução da música Pop iniciada pela Katy Perry.

Katy Perry sempre esteve ali presente, mas as pessoas não queriam notá-la, uma pena, pois a estrela irradiou a verdadeira revolução na música. Perry iniciou no mundo pop falando de seu ex-namorado em “Ur So Gay”, uma da canções mais interessantes feita por uma artista, até mesmo Madonna se rendeu a seus caprichos. A garotinha cresceu e beijou meninas por aí, vendendo disco de ouro e fazendo a música o Hit de 2008 –       “i Kissed a Girl” é brilhantemente fantástica.

Logo depois ela não descançou e balançou as rádios do mundo todo com o seu hit mais badalado “Hot N’ Cold” e mostrou a todo mundo que ela estava ali, e que ela era “Katy Perry”!

Não demorou muito e “Thinking Of you” já estava na televisão brasileira, e logo em seguida “Waking Up in Vegas” mostrou que a vida é um verdadeiro jogo de loteria.

Iniciou os anos 2009 e a cantora recebeu o que merecia, prêmios e awards mostraram que um novo modelo de música mudaria o cenário Pop mundial. Foi então sua grandiosa “retomada”, depois de uma incrível turnê mundial, Katy Perry volta e balança o mundo (literalmente) com “California Gurls”, mostrando através da música que o Pop tem nome e no momento atual se chama Perry. A cantora trasnformou o que seria apenas uma resposta a “Empire State Of Mind” no verdadeiro Hit de verão de todos os tempos, superando qualquer musicalidade anterior.

Nasce então sua obra – “Teenage Dream”, o sonho de todos nós, o álbum que levou a loucura fãs e crítica, que alcançou 81% de aprovação, deixando para trás estreantes do cenário pop, não do pop remix com os jogos de Gaga ou efeitos de voz de Ke$ha, mas o Pop realmente dito.

O single “Teenage Dream” se tornou o 7° single mais ouvido do mundo, e “California Gurls” o 4° mais ouvido mundialmente no ano de 2010, veio então “Firework”, quebrando as amarras da sociedade e mostrando a vida e suas virtudes, elevando a auto-estima até a lua!

Katy Perry é o verdadeiro vulcão, pronta para explodir, pois esse grandioso ano de sucesso é apenas os primeiros frutos de um trabalho que frutificará ouro no próximo 2011. Ou como ela mesmo diz:

“Eu sinto que sou pouco mais que um vulcão”, disse ela. “Eu estou pronto para explodir com todas essas músicas novas. Tenho uma perspectiva diferente, e eu mudei muito.”

O que você diria do grande sucesso da Katy Perry? Compartilhe seus pensamentos nos comentários.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

[fbcomments url="http://katyperry.com.br/?p=" width="100%" count="off" num="5" countmsg="wonderful comments!"]
Este artigo não possui comentários

Os comentários estão fechados.